Cuidado: o Google Chrome pode diminuir a vida útil da sua bateria

blognavegador1

A bateria do seu notebook acaba rápido demais? Sabia que a culpa pode ser do seu navegador, caso você utilize o Google Chrome no Windows.

É o que revelou um estudo divulgado pela Microsoft e por um artigo de Ian Morris, colaborador da Forbes. Segundo os resultados, o navegador possui um bug que pode diminuir a vida útil da sua bateria. Isso acontece devido à uma falha no sistema system clock tick rate”, responsável pelo intervalo de ativação de diferentes comandos no sistema operacional, que é utilizado para evitar o consumo de energia excessiva na realização de tarefas que necessitam grande poder de processamento.

Se comparado com outros navegadores – Firefox e IE – o browser faz com que os processadores trabalhem mais do que o normal, chegando a consumir cerca de 25% de energia, diminuindo a assim a vida útil da última recarga. A empresa já declarou que pretende lançar em breve uma versão atualizada do navegador livre do erro.

O relatório também revela que o navegador mais econômico é o Internet Explorer, seguido pelo Mozilla Firefox. Apesar da queda de popularidade, o browser IE consegue economizar aproximadamente 18% de energia ao final do dia. Segundo a Microsoft, o navegador tem uma capacidade de processamento maior, que explora melhor os recursos do hardware e do sistema operacional

Atualização

Em agosto de 2014 um estudo divulgado pela empresa AnandTech sobre o consumo de energia dos principais browsers revelou um novo posicionamento no ranking anteriormente divulgado pela Microsoft.

Os novos testes foram realizados com a utilização de um software que simula a ação comum de um usuário no PC, mostrando a energia gasta pelos navegadores (Internet Explorer 11 para desktop e versão Metro, Firefox 31, Chrome 36 e Chrome 37 Beta). Dessa vez, o Chrome, que anteriormente foi apontando como o navegador que mais consome energia, ficou em 1º lugar. O navegador suportou 8h32 de navegação ininterrupta, enquanto a versão Beta é capaz de aguentar 5h55 de utilização, ficando em último lugar. Já a versão Metro do Internet Explorer aparece em 2º, seguido da versão para Desktop IE11 e Firefox, que ocuparam o 3º e 4º lugar respectivamente.

Fonte: AnandTech

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Especialista bringIT

Sobre Especialista bringIT

Especializado em manutenção de notebooks e baterias
Adicionar a favoritos link permanente.